16 de março de 2017

Tempo

Passou mais de um mês sem passar por cá mas tenho mantido as leituras presentes dos blogs que sigo. Comentar mais está nos meus planos mas o tempo não estica e gosto de fazê-lo com tempo e silêncio. Doenças dos pequenos, dias mais escuros psicologicamente, dias alegres e produtivos, noites privadas de sono, noites boas... é um misto de tudo que aconteceu nestes últimos tempos. Criativamente o balanço é positivo. Tenho usado mais com o que tenho em stock mesmo que isso não me permita fazer o que mais gostaria de fazer, tricotei e bricolei. Ando numa de aproveitar tudo, ao máximo e tiro muito proveito disso. Não faço por fazer, é mesmo uma necessidade de ocupar o meu tempo e preencher o que me faz falta. Daí que o tempo precioso tem que ser distribuido por isso tudo e por tudo o resto, que é muito, a família.
Para terem uma ideia  doq ue fiz até agora:

♥ 2 pares de meias, um para casa filho para aproveitar o que sobrou de outras meias que tricotei:


♥ 1 par de meias para mim, mais altas e todas às riscas para aproveitar restos de outras meias que tricotei:


♥ comecei  par de meias para oferecer, essas vão ser bem altas ! ainda estou em curso mas já tenho as duas começadas pelo calcanhar.


♥ tricotei um boneco, improvisei um coelho baseando-me numas instruções que comprei em tempos da designer Julie Williams. Terminei e é uma menina, a Dalila ! Executei a boneca com o pouco que sobrou do meu casaco, apenas deu para a cabeça, o resto fiz com a lã de umas luvas que desmanchei que já não serviam ao meu filho e também porque pretendo fazer-lhe umas mais funcionais, de dedos, futuramente.




♥ Tricotei 2 golas em tricot: uma baseando-me novamente num esquema da Leaving Cowl que partilhei no post anterior a este mas que no fim improvisei. E outra gola mais estreita porque o fim não chegou para mais com um ponto que gostei (http://www.knittingstitchpatterns.com/2014/09/classic-aran-honeycomb.html). Por esta altura muitos julgava que o frio tinha ido embora !


♥ Então comecei outras meias para aproveitar mais restos de lã para meias e até comecei a desmanchar um xaile em crochet que tinha começado com o motivo de flores japonesas para poder reutilizar nestas meias. O crochet perdeu 'terreno' nas minhas mãos, revejo-me mais no tricot, pela economia de gastar menos lã mas porque é a minha ocupação favorita. Estou a basear-me nas Jaywalker socks, e digo basear porque a opção do Fish Lips Kiss Heel obrigou-me a fazer alterações. Agora com as duas meias a par, já acima do calcanhar tricoto-as ao mesmo tempo. Não é fácil e só  faço porque só tenho um par de agulhas dessa espessura e quero mesmo fazê-las ao mesmo tempo para gerir os restinhos de lã que tenho de forma mais proporcional.



♥ e nada a ver com o tricot: fiz uma mesinha de cabeceira para o meu filho mais velho com a estrutura de uma cesta/cubo de verga que apenas servia para cumular pó, coisa que com problemas alergias não pode ser. Usei restos de outras madeiras e betume para regularizar. Agora aguarda por inspiração e tempo para pintar...



Boa semana e fim de semana a quem aqui passa !